terça-feira, 31 de maio de 2016

OPALA - CURIOSIDADES



Curiosamente, só é encontrado com qualidade em dois lugares do mundo: Austrália e… Piauí! Isso mesmo, aqui no Brasil, na cidade de Pedro II está uma das maiores e mais importantes jazidas de Opala (claro que existem outras jazidas e Opala no mundo, sobretudo na África) no planeta.

Os aborígines da Austrália têm uma lenda. Eles dizem que o Criador veio para a Terra em um arco íris para dar uma mensagem de paz para toda a humanidade. O lugar onde o pé do Criador tocou a terra era repleto de rochas e tornou-se vivo, começou a brilhar em todas as cores do arco íris. E é assim que Opalas foram criadas.

Talvez isso explique porque o nome Opala é derivado da palavra sânscrita “upala”, que significa “pedra preciosa”. Esta provavelmente é a raiz da palavra para o termo grego “opallios”, que se traduz como “mudança de cor”.



Até 1920 as Opalas eram bastante incomuns. Antes da descoberta da jazida da Austrália de 1849, as únicas fontes de opala eram o Brasil e a Hungria. Quando as Opalas australianas surgiram, elas eram tão espetaculares e sua diferença foi tão marcante que os donos das minas na Hungria espalharam o boato que opalas australianas não eram opalas reais. Graças ao boato, a opala australiana não apareceu no mercado mundial até 1890. Ninguém comprava porque acreditaram nos boatos.

Por muito tempo ninguém sabia porque as opalas da Austrália eram tão lindas. Na década de 1960 uma equipe de cientistas australianos analisaram as amostras de Opalas com um microscópio eletrônico. Eles descobriram que pequenas esferas de gel de sílica produziam interferência na passagem da luz, causando as incríveis refrações, que são responsáveis pelo jogo fantástico de cores dentro do material.

Em outras palavras, como a opala é formada de sílica, ela deixa a luz atravessar, e é essa entrada de luz e consequente divisão dela em microprismas, é que dá às Opalas sua cor.



Entre as diversas formas de opala existente, (há as mais transparentes, as leitosas, as esverdeadas, é uma quantidade enorme de variações) estão as Opalas negras.

A opala negra é a mais rara e valiosa de todas as opalas. Estas gemas sempre tem a cor de fundo escura, que contrasta lindamente com os brilhos multicoloridos naturais da Opala.

Quanto mais brilhante e mais nítidas as cores contrastantes, o mais valiosa a amostra de Opala negra.

A opala negra é rara, ao ponto de algumas pessoas colecionadoras de gemas a considerarem como “o Santo Graal da Opalas”.

Por sua inacreditável variação visual e beleza, as opalas são muito usadas para a produção de joias. Algumas opalas de jazidas no México, chamadas Opalas de fogo são tão sensacionais que lembram até rubis.

Há também a opala azul peruana, que é a pedra nacional do Peru. Eles dizem que ela tem a cor do mar do Caribe.








OPALA – CORES E TIPOS



Existem algumas características e propriedades adicionais para determinadas cores de opalas:



OPALA – CASTANHA, PRETA, CINZENTA

- Para trabalhar o chakra sexual e orgãos reprodutores.

- Ajuda a libertar a tensão sexual por bloqueios emocionais.



OPALA - AZUL 

- Acalma as emoções e ajuda a um realinhamento espiritual.

- Trabalha o chakra laríngeo e ajuda a melhorar a comunicação.

- Ajuda a tratar dores de vidas passadas que ainda interferem nesta vida.



OPALA – COR DE CEREJA
      
- Ajuda a limpar o chakra base e o chakra sexual.

- Promove a concentração.

- Ativa a clarividência.

- Cura dores de cabeça resultantes de bloqueios do 3º olho.

- Regenera tecidos e trata perturbações sanguíneas.

- Trata problemas de coluna vertebral.

- Liberta tensões musculares, e alivia sintomas da menopausa.



OPALA – HALITE (OPALA DE ÁGUA)

- Estimula a ligação com as dimensões superiores espirituais.

- Estabiliza o humor.

- A Halite (opala de água) estabelece ligação do chakra base com o chakra da coroa.

- Promove experiências meditativas.

- Ajuda nas experiências fora do corpo.

- Este cristal de cura ensina que o corpo é simplesmente um veiculo da alma.



OPALA – CRISÓPOLA (AZUL-VERDE)

- Abre o ser a novas impressões.

- Encoraja a abertura perante os outros.

- Estabiliza o humor.

- Alivia a negatividade emocional, pode ser através do choro e libertação de sentimentos.

- Desintoxica e regenera o fígado.

- Alivia pressão no coração e chakra cardíaco.



OPALA – DE FOGO (COR DE LARANJA-VERMELHO)

- Amplifica o poder pessoal, desperta o fogo e a alegria interior.

- Protege do perigo, e traz esperança.

- A opala de fogo é excelente para expandir os negócios.

- Facilita a mudança e o progresso.

- Deve ser usada em situações de injustiça e maus tratos.

- Dá força em fases de turbulências emocionais.

- Liberta sentimentos negativos e dores profundas mesmo quando originadas em outras vidas.

- Ajuda a libertar o passado, embora possa ser explosiva nas emoções reprimidas.

- Trata os intestinos e os rins.

- Equilibra as glândulas supra renais.

- Estimula os órgãos sexuais.

- A opala de fogo é um cristal de cura excelente para reenergizar e aquecer.




OPALA VERDE

- A opala verde é uma pedra de rejuvenescimento.

- Regenera a estrutura emocional.

- Ajuda a harmonizar os relacionamentos.

- Dá abertura mental e ajuda a direcionar os pensamentos.

- A Opala verde ajuda a dar sentido à vida e atribui uma visão mais espiritual.

- Fortalece o sistema imunológico.


- Alivia constipações e gripes.

OPALA – PROPRIEDADES CURATIVAS



- Transmite vontade de viver.

- Trata a doença de parkinson, as infecções e as febres e fortalece a memória.

- Purifica o sangue e os rins.

- Regula a insulina, facilita o parto e alivia o síndrome pré menstrual (utilizar as cores escuras).

- A Opala é benéfica para os olhos, especialmente se for utilizada em forma de elixir.


Posicionamento da Opala:

- Este cristal deve ser colocado especialmente sobre o chakra cardíaco e no plexo solar.

- Como anel, deve ser usado no dedo mindinho.



OPALA - ATUAÇÃO



No plano psicológico:

- A Opala amplifica os traços psicológicos e evidencia-os para que possam ser transformados.

- Ajuda a pessoa a entender o seu potencial.



No plano emocional:

- A opala é uma pedra de sedução.

- Este cristal de cura intensifica os estados emocionais.

- Ajuda a libertar as inibições.

- A Opala é um estabilizador natural das emoções, mas também pode dispersar esta energia, assim é necessário concentração.

- Desvenda estados emocionais passados, especialmente de outras vidas.

- Ajuda a assumir responsabilidade pelo que se sente.

- Este cristal, impulsiona a expressar emoções positivas.

- Usar uma opala, traz lealdade, franqueza e espontaneidade, mas também pode amplificar a leviandade se já houver propensões para tal.

- Esta pedra pode também ser utilizada para enviar energias curativas para o campo energético terreno.


OPALA - ATRIBUTOS



- Cor Branco, cor de rosa, preto, bege, azul, amarelo, castanho, cor de laranja, vermelho, verde, púrpura.

- Aparência Incolor, leitosa, iridescente e incandescente ou vítrea sem fogo, muitas vezes pequena e polida.

- Raridade Fácil de encontrar, embora sejam caras.

- Induz a visões psíquicas e místicas.

- A opala está ligada ao amor, à paixão, ao desejo e ao erotismo.

- Este cristal de cura é uma pedra delicada, que expande a consciência cósmica.

- Ajuda a estimular a originalidade e a criatividade dinâmica.

- A Opala ajuda a ter acesso ao verdadeiro eu e à expressão.

- Sintoniza e amplifica pensamentos e sentimentos e devolve-os à sua origem.

- A Opala é uma pedra Kármica, que ensina que atraímos sempre de volta o que fazemos e o que somos.

- É uma pedra protetora, quando devidamente programada, ajuda a pessoa a tornar-se invisível, ou a passar despercebido.

- Quando utilizada em aventuras e desafios perigosos a Opala dá proteção.

- Ajuda no trabalho xamânico.

OPALA, PEDRAS E CRISTAIS DE CURA



A Opala é um cristal de cura constituído por um elevado teor de água, que dá origem a uma surpreendente interação de luz e cores.

Na antiguidade associava-se a pedra opala a pedaços de arco iris vindos do céu, outros achavam que os brilhos e cores do cristal de Opala se assemelhavam à complexidade do Deus do amor e por essa razão eram conhecidas como pedras do cúpido.


OPALA - CARACTERÍSTICAS



Chakras: Terceiro Plexo Solar

Saúde: Emocional

Indicação: Depressão | Estresse

Pedra da profissão: Dançarinos, Eletricistas e Músicos.

Pedra do signo de: Peixes e Touro.

Tipo de energia: Amuletos e Sorte

Dureza: 5,6 - 6,5  Mohs

Composição Química: Óxido de Silício hidratado.


Procedência: Austrália, México, Peru, América do Sul, Grã-Bretanha, Canadá, Estados Unidos, Honduras, Eslováquia.

OPALA - BENEFÍCIOS



A Opala afasta depressões e problemas psíquicos do seu usuário, trazendo luz à alma.

Na meditação, alcançamos uma sensação de proteção, amor e o equilíbrio dos chakras.

Experimentamos a beleza do nosso ser e da vida em todas as cores, e com maior energia alcançamos percepção espiritual e previsão do futuro.

Indicações: Depressões, problemas psíquicos do seu usuário, portadora de luz para a alma, proteção e amor, equilíbrio dos chakras, percepção espiritual, previsão do futuro.



OPALA - HISTÓRIA




O nome Opala é oriundo do hindu antigo sânscrito “Upala” (pedra preciosa). A coloração da Opala se deve às bolinhas de água armazenadas no interior da pedra e que brilham nas mais belas cores quando expostas à luz. 

A Opala era diretamente associada aos deuses e à criação, e diz-se que recebeu uma parte de todas as pedras, o verde da Esmeralda, o violeta brilhante da Ametista, o vermelho do Rubi, o azul da Safira e a luz ardente do enxofre. 

Os antigos gregos e romanos chamavam-na de “opalus” e acreditavam poder prever o futuro através dela, que também protege o usuário de todas as doenças, e que as Opalas negras são pedras de poder para os mágicos.

OPALA




Traz alegria e traz de volta a nossa atenção para as coisas alegres e coloridas da vida. Fortalece o desejo pelas coisas, o erotismo e a sensualidade. Nos faz ficar emocionados, sedutores, com a vida e melhora o otimismo. Encoraja a espontaneidade e o interesse pelas artes.

As preciosas Opalas são pedras brancas ou leitosas com uma configuração de cores cambiantes internamente.

As Opalas de fogo são leitosas, densas e raramente mostram opalescência.



As Opalas comuns são opacas, sem nenhum jogo dinâmico de colorações, variando em sobras desde o tom claro até o transparente ou marrom–avermelhado.

Note que elas são extremamente sensíveis, e devem ser tratadas com muito cuidado. Contêm até 30% de água; se rachadas, perdem a água responsável por sua opalescência.

As Opalas são raramente usadas em trabalhos com cristais, exceto para aqueles que desejam intensificar seu estado emocional.

Elas facilmente diversificam e distribuem energia e parte da literatura sobre pedras preciosas assegura que aqueles que usam essa pedra têm uma natureza instável.



Se você é dispersivo em pensamentos e ações, uma Opala certamente pode reforçar essa tendência, mas se você for do tipo concentrado ela lhe proporcionará olhar para muitos assuntos.

As Opalas, particularmente as de fogo, são boas para os negócios, apesar de poderem afetar o plexo solar de forma adversa.

Sempre que o usuário se sentir desconfortável com o uso dessa pedra, deve retirá-la.

No entanto, as Opalas podem intensificar a consciência cósmica e trazer alegria e criatividade.



Algumas vezes são associadas à intuição.

O melhor uso para elas é no dedo mínimo, o mais longe possível do corpo.

Não devem ser usadas por adolescentes ou em conjunto com outras pedras.

Quando usadas apropriadamente, elas enviam amor ampliado do usuário para quem está próximo.

Sem dúvida, a Opala era chamada frequentemente de Ophtalmios, ou Pedra do Olho, na Idade Média, e muita gente acreditava que havia uma imagem de menino ou menina na pupila do olho.



Albertus Magnus descreve a Opala assim:

“A porfanus é uma pedra que está na coroa do Imperador  Romano e nada igual jamais foi visto, por isto é chamada de porfanus. Tem uma sutil cor de vinho e sua coloração é tão pura quanto à da luminosidade da branca neve, salpicada da cor brilhante e vermelha do vinho e era superada por esta radiância. É uma pedra translúcida e há uma tradição que diz que brilhava à noite, mas, nos nossos dias, ela não brilha no escuro. Diz-se que guarda a honra dos reis.”

Sem dúvida, na Idade Média, dizia-se que a Opala curava doenças dos olhos e o poder mágico da pedra poderia supostamente tornar seu usuário invisível.
Por causa deste atributo, era chamada de protetora dos ladrões.
Dizia-se também que moças loiras valorizavam acima de tudo colares de Opala, pois quando usavam estes ornamentos, seus cabelos guardavam sua linda cor.



Embora ela fosse vista como uma pedra de infortúnio, a Opala Negra é considerada uma excepcional pedra de felicidade.

Grandes depósitos de Opalas Negras foram encontrados nas escarpas brancas de New South Wales, Austrália.


Diz-se que se você sonhar com Opalas receberá grandes possessões. 

domingo, 29 de maio de 2016

FLUORITA - BENEFÍCIOS





Através da Fluorita, podemos fazer a comunhão entre nosso corpo e espírito e nos faz transbordar de amor em nossos relacionamentos e amizades. Tem o poder de apagar as mágoas do passado, ajuda-nos a perceber a realidade, nos dá mais confiança, compreensão, alegria e amor. Proporciona calma profunda e nos protege dos mais perigosos poderes malignos. É uma pedra para se ter em todos os lugares onde vivemos e por toda a casa.

A Fluorita pode ser usada em conjunto com outras pedras. Ela ajuda a liberar os poderes das outras pedras. Pode ser usada na meditação para liberar o poder de concentração.

É uma pedra curativa de úlceras e de doenças do trato respiratório por estimular a regeneração das células nessas áreas. Fortifica os ossos, auxilia nos problemas de artrose e artrite. Atenua problemas cerebrais, renais, do fígado. Ótima para combater as enxaquecas, problemas nos dentes e gengivas. A Fluorita amarela atua sobre o intelecto e potencializa os poderes mentais.



A Fluorita na sua estrutura original, compõe-se de várias cores: amarela (como na foto acima), azul, verde, branco, roxo e marrom. É uma excelente pedra no uso de clamante, muito bom contra insônia, os edemas, a febre, o excesso de agressividade e a ansiedade. Pode ser usada a vontade.  Fluorita possui um grande poder de cura. Acumula e absorve os nutrientes vitais. Fortalece os dentes, os ossos e os vasos sanguíneos.

Ajuda na concentração quando meditando. É uma pedra multidimensional, manifestando os maiores aspectos da mente que está conectado com o espírito. Ajuda a compreender e a se interar das realidades físicas da 4º, 5º e 6º dimensões. Usado também no chakra do terceiro olho. Permite que a mente se mantenha em perfeito equilíbrio. 




Como atuação especifica, ela funciona como uma pedra se superação das situações. Faz-nos ver, encarar e entender os diversos ângulos de uma questão, de modo cru e direto. Funciona  como um calço, um apoio sobre o qual nos firmamos para compreender que temos motivos suficientes para não permanecer mais naquela vivencia, superando-a, esgotando-a e seguindo adiante. Como um amigo de verdade faria uma crítica honesta- por isto, é a pedra que representa a amizade, a mão que seguramos para nos apoiar e seguir em frente com confiança. No entanto, atenção: não adianta usar a fluorita se não estamos em condições ou realmente dispostos a encarar a situação e sair dela. A Fluorita é a pedra da superação, do apoio e da amizade.

A Fluorita relaciona-se bem com mudanças, especialmente as mudanças mentais. Contêm também elementos que eliminam as impurezas, o ranço e padrões passados para que a transformação interna seja alcançada.
Fluorita possui um grande poder de cura. Acumula e absorve os nutrientes vitais. Fortalece os dentes, os ossos e os vasos sanguíneos. Ajuda na concentração quando meditando. É uma pedra multidimensional, manifestando os maiores aspectos da mente que está conectado com o espírito. Ajuda a compreender e a se interar das realidades físicas da 4º, 5º e 6º dimensões. Usado também no chakra do terceiro olho. Permite que a mente se mantenha em perfeito equilíbrio.


FLUORITA - INDICAÇÃO




Indicado para: Concentração, alegria no amor, autoconfiança, compreensão, percepção da realidade, dissipa marcas do passado, infunde calma profunda. Cérebro, coração, rins, pulmões, dentes, gengivas, artrite, artrose, gravidez, cabeça, enxaqueca, infecções, estimulante sexual.

Entre suas indicações estão a capacidade de absorver e neutralizar as vibrações negativas, liberta e limpa todo o corpo e alivia gripes e resfriados. Ótima para os pulmões, a Fluorita também atua sobre as alergias. A Fluorita mantém a flexibilidade da pele e ativa a atração sexual até a idade avançada.


É uma pedra única que contém um pouco de todos os cristais dentro de si e, por esse motivo, a Fluorita é considerada um cristal de confiança, intuição, sorte e amor. Se você quiser liberar seus desejos inconscientes e a sua sabedoria, use a Fluorita. Ela tem o poder de libertar nossos sentimentos inconscientes, aqueles arraigados no mais profundo de nossas almas.

FLUORITA – PEDRA DA NOVA ERA




Ajuda a ver a realidade e a verdade por detrás das ilusões.

É pedra do amor, altamente calmante e concentração.

Na antiga China, essa pedra foi usada como condutora da sorte, que protegia contra magia negra e pensamentos de suicídio.

Considerada uma pedra com poderes de cura semelhantes aos da ametista, a Fluorita liberta e limpa todo o corpo, regenera os pulmões e atenua alergias, infecções, resfriados e gripes.



A água de Fluorita tem propriedades regeneradoras e curativas sobre os rins e fígado; guia o caminho dos hormônios da vida sexual, ativa a atração sexual até a idade avançada e mantém a flexibilidade da pele e de todo o organismo.

A multicolorida Fluorita tem em si partes de todas as pedras curativas em virtude disso, nos traz uma esplêndida unissonância entre corpo e a alma.
Através do uso da Fluorita, passamos a sentir mais amor em parcerias e amizades. Ela atua como inspiradora sobre o cérebro e os pensamentos, estimulando a concentração.





Na meditação ela traz infinito aquecimento e distensão. No terceiro olho e no plexo solar, sentimos a penetração dessa poderosa pedra. Ela nos alivia de irradiações, libera o caminho para nossos desejos e sentimentos de conhecimento das ignoradas profundezas da alma. A Fluorita representa uma proteção que não permite a penetração de nenhum poder maligno.

FLUORITA – CARACTERÍSTICAS




Chakras: Quinto Laríngeo

Saúde: Sistema Imunológico

Indicação: Reumatismo

Pedra da profissão: Cientistas, Cirurgiões, Dentistas.

Pedra do signo de: Peixes

Tipo de energia: Atração e Energia Sexual

Dureza: 4 Mohs

Composição Química: Fluoreto de Cálcio


Procedência: Estados Unidos, Grã-Bretanha, Austrália, Alemanha, Noruega, China, Peru, México, Brasil.